Novo tipo de papel para o ECF (Emissor de Cupom Fiscal)

— Maurício Fernandes – Equipe de Suporte Técnico —

A partir de Julho, os estabelecimentos que utilizam ECF terão de empregar um novo tipo de papel para impressão.

Exemplo de Bobina para Impressora Térmica

A bobina de papel para o ECF é hoje o suprimento básico na área de automação comercial, afirma  Fernando Martins, vice-presidente de suprimentos da Associação Brasileiro de Automação Comercial(AFRAC). Trata-se hoje, se um papel comum, que recebe um revestimento químico temossensível, explica. Como a impressão ocorre por meio de calor, não há necessidade da tinta, como nas impressoras jato de tinta.

Porém, Martins conta que, há alguns anos, os estabelecimentos comerciais, em vários Estados brasileiros, começam a registrar problemas com este tipo de impressão. Basicamente as informações se apagavam após algum tempo. Para resolver o problema, o Conselho Nacional de Política Fazendária (CONFAZ) pediu ajuda à AFRAC.

Depois de um estudo, chegou-se da conclusão de que a causa do problema estava no papel. Existem vários tipos de papel térmico, entre eles os utilizados nos fax e na impressão da loteria esportiva. Como não havia uma especificação técnica sobre o papel apropriado para a automação comercial, os estabelecimentos compravam qualquer um, explica Martins.


A partir desta contratação, o grupo de suprimentos da AFRAC fez um trabalho de avaliação destinado a identificar o revestimento adequado do papel a ser utilizado nas ECFs. – O objetivo era garantir a preservação da impressão, por no mínimo, cinco anos, conforme prevê a legislação em vigor, porém sem um aumento significativo do sucto deste material para o comerciante fiscal, explica.

Além disso, para dar mais segurança ao documento fiscal, ficou estabelecido que o novo papel deverá conter fibras invisíveis ao olho nu, porém, capazes de reagir à luz ultra violeta (UV) ou luz negra. Todas estas características -entre outras -foram especificadas no Ato da Comissão Técnica Permanente do ICMS (COTEPE/ICMS) nº 4, de 11 de abril de 2010, que estabelece os requisitos para a fabricação da bobina de papel a ser utilizada na impressão de documentos emitidos pelo ECF.

Pela legislação, essa bobina só poderá ser fabricada – usando papel térmico autocopiativo – por empresas credenciadas pela COTEP/ICMS, que é ligada a CONFAZ.

Fonte: INFO EXAME abril/2011

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *